coluna marcelo martins

Santa Maria deve ficar pelo quinto ano sem Carnaval em 2020

Prefeitura reforça que, a exemplo de anos anteriores, não investirá recurso público na festividade

Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)
Último ano do Carnaval de Rua em Santa Maria foi em 2015

Na reta final do 2019 e com o 2020 já no horizonte, a Associação Aliança pelo Samba irá se reunir, nesta semana, com a prefeitura de Santa Maria. Em pauta, a retomada do Carnaval. A festividade não ocorre mais há quatro anos. O período leva em conta o último da gestão do então prefeito Cezar Schirmer (MDB), em 2016, e, agora, os três últimos anos (2017 a 2019) do governo Jorge Pozzobom (PSDB). A situação preocupa o presidente da associação, Leonardo Ribeiro, que avalia como desanimador o saldo dos últimos anos junto ao poder público quanto à falta de vontade e de mobilização pela festa popular.

Região Leste de Santa Maria sofre com falta de água com frequência

- Infelizmente, se vê, todo ano, várias atividades sendo realizadas com maior ou menor apoio da prefeitura. Mas quando o tema é o Carnaval, quase sempre, ouvimos "depois, a gente fala". Isso é algo que nos entristece. Até porque, ano após ano, a impressão que passa é que o Carnaval está morrendo em Santa Maria - desabafou.

Leia mais colunas de Marcelo Martins

Desde o começo do governo Pozzobom, o prefeito tem dito que há outras áreas a serem priorizadas e que não aportará recursos públicos na festa - a exemplo do que fez o seu antecessor Schirmer. Por e-mail, a prefeitura disse aguardar o encontro, entre as partes, para somente depois "falar sobre o assunto".

Contudo, a gestão tucana já adianta que, a exemplo dos últimos três anos, "não há recurso público disponível para o Carnaval de Rua em 2020. (...) Assim, a partir da reunião, o Executivo aguarda propostas das escolas de samba para avaliar a viabilidade da festividade". Ainda em janeiro deste ano, a prefeitura chegou a sinalizar que seria possível realizar um Carnaval "mais modesto", o que não se confirmou.

Ponte do Bairro Renascença é sinônimo de preocupação aos moradores

No próximo sábado, as sete escolas de samba que integram a Associação Aliança pelo Samba estarão reunidas para tratar de estratégias e possíveis caminhos para a retomada do Carnaval de Rua. Segundo Ribeiro, as escolas trabalham, no momento, "para colocar a casa em dia". Ou seja, obter os alvarás necessários - junto à prefeitura e Corpo de Bombeiros -, quitar tributos municipais e regularizar documentos e validar outros. 


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190