eleições 2020

PSD sela aliança com o PT na corrida à prefeitura de Santa Maria

Vereadores Luciano Guerra e Marion Mortari irão concorrer juntos ao pleito

18.386

Mais uma pré-candidatura ganhou forma, na semana que passou, na corrida eleitoral à prefeitura de Santa Maria. O PSD, do vereador Marion Mortari, aprovou a coligação na majoritária ao lado do PT, do pré-candidato Luciano Guerra, ao Executivo municipal. Assim, no pleito deste ano - que tende a ser em novembro ou dezembro - Guerra e Mortari estarão juntos na caminhada que quer garantir lugar no segundo turno e, claro, emplacar a vitória nas urnas. 

Leia mais colunas de Marcelo Martins 

A reunião do PSD, que selou a união com o PT, foi virtual e ocorreu na presença da presidente estadual do partido, Leticia Bol. A executiva aprovou por unanimidade a coligação com os petistas. Ainda que o PSD também tenha à disposição o nome da vereadora Deili Silva, recém chegada à sigla (ela era do PTB), a tendência é que Mortari seja o nome a compor com o PT. Até porque o PSD local é o Marion Mortari.

Após uma dissidência, em que enfrentou problemas com alguns progressistas, ele deixou, anos atrás, a sigla. E, assim, pavimentou caminho para chegar ao PSD a convite do deputado federal Danrlei de Deus, maior nome do partido no Estado.  

SEMELHANÇAS
Mortari e Guerra guardam semelhanças entre si. Ambos foram subprefeitos. O primeiro foi de Pains. Já o último, atuou em Palma. Os dois têm tido, ao longo do mandato na Câmara, agendas em comum: cobranças da prefeitura nas demandas do campo e, ainda, protocolaram um projeto de lei que pretende criar restrições à inauguração de obras inacabadas e que ainda não estejam em condições de serem utilizadas pela população. Também atuaram juntos no caso dos "beira-trilhos" que trata de moradores que têm as casas no entorno da linha férrea.

O presidente do PSD, Hilton Júnior, acredita que a dobradinha Guerra e Mortari mostrará ao eleitorado estar preparada para "humanizar e dar maior sensibilidade à gestão da prefeitura", que ele entende ser "distante e fria da sociedade". Hilton Júnior lembra da força de Mortari ao citar a candidatura dele a deputado estadual, em 2018, quando apenas em Santa Maria, Mortari fez mais de 7 mil votos. 

A coordenação da campanha ficará a cargo do ex-prefeito Valdeci Oliveira (PT), que comandou o município de 2001 a 2008, e que, em 2016, perdeu o pleito para Jorge Pozzobom (PSDB) por 226 votos. 

CURRÍCULO
No terceiro mandato consecutivo como vereador, Mortari foi, em 2016, o segundo parlamentar mais votado com 3,5 mil votos. Antes, foi vereador ainda em 2008 e 2012. Em 2004, ficou como primeiro suplente pelo Progressistas. Também foi subprefeito, função exercida por três mandatos. E, antes disso, foi assessor parlamentar na Assembleia Legislativa do então deputado estadual José Haidar Farret, ex-Progressistas.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190