coluna marcelo martins

Projeto busca desenvolver uma melhor utilização de área da extinta Fepagro

Local tem mais de 500 hectares e fica na zona rural de Santa Maria

Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)
Área fica no distrito de Boca do Monte, zona rural de Santa Maria

A Secretaria de Desenvolvimento Rural de Santa Maria dará início, até agosto, a um estudo técnico que aponte como e de que forma utilizar as potencialidades da extinta Fepagro, que fica no distrito de Boca do Monte. Conforme o titular da pasta, Rodrigo Menna Barreto, o objetivo é elaborar um projeto que aponte as possibilidades de utilização do espaço de 542 hectares. Dessa maneira, a prefeitura e segmentos do campo - Emater, Sindicato Rural, Associação Rural, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e instituições de ensino e pesquisa - e a própria Fepagro, que hoje é o Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária (ligada à Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Irrigação), irão trabalhar de forma a se achar um meio de otimizar e de aumentar a capacidade do local.

Leia mais colunas de Marcelo Martins

- Será desenvolvido um trabalho de forma que possamos aumentar ainda mais as potencialidades daquela área de forma a preservar a pesquisa realizada lá. Esperamos construir juntos com o governo do Estado e com os demais parceiros um projeto para toda a área - define o secretário Menna Barreto.

Ainda que o governo do Estado não tenha repassado cerca de 140 hectares da área ao município - situação que ficou muito próxima de acontecer em 2017 -, o secretário mantém o otimismo. Para ele, agora o enfoque deve se dar em elaborar esse projeto de um melhor desenvolvimento do espaço. Mas sem que isso deixe de buscar o propósito maior, que é a conquista da área, uma demanda buscada desde 2015.

Os planos iniciais, lembra o secretário, para a o local previam desde a criação de um centro regional para a capacitação do produtor rural e ainda a construção de um parque de exposições. Mas a crise e a inviabilidade financeira acabaram por deixar esse plano em compasso de espera.     

TERMO RENOVADO
Recentemente, a prefeitura obteve a renovação de um termo de cooperação com o Estado para o fornecimento de madeira ao Executivo municipal. Dessa forma, a administração Pozzobom tem, sem custo, madeiras para as demandas de estradas (como pontes, pontilhões) dos nove distritos da zona rural. Além disso, em contrapartida, as secretarias de Desenvolvimento Rural e de Infraestrutura e Serviços Públicos fazem melhorias nos acessos dentro da área da Fepagro.

DATAS DEFINIDAS
Também já estão definidas as datas para as próximas duas edições do Pátio Rural: agosto (dias 3 e 4) e outubro (12 e 13). Já houve, neste ano, uma edição em maio. A cada evento, a prefeitura estima que cerca de 10 mil pessoas compareçam ao evento e aproximadamente de R$ 100 mil a R$ 150 mil sejam injetados na economia local. O pátio tem, em média, cerca de 60 expositores.

  


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190