Marcelo martins

Legislativo pode ter dado freio à safra das denúncias

Nos últimos anos, sempre às vésperas de um pleito, prefeitos têm sido alvo de acusações

18.386

Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)

Sempre que um prefeito se aproxima do fim do mandato e, por consequência, do período eleitoral, denúncias contra o mandatário do momento surgem. A constatação, lúcida e bem resumida, foi dada à coluna pelo advogado e presidente da subseção local da OAB, Péricles Lamartine da Costa. Jorge Pozzobom (PSDB) foi, apenas, o mais recente deles. 

Leia mais colunas de Marcelo Martins

Mas, no passado, os prefeitos Valdeci (PT), Schirmer (MDB) e Farret (ex-PP) foram alvo de tentativas de "colar" neles denúncias improcedentes. Talvez o maior "contemplado" disso tudo tenha sido Valdeci, que comandou o município de 2001 a 2008. Durante o primeiro mandato, justamente por ter minoria na Casa, o petista foi alvo de tentativas, sem êxito, de tirá-lo do governo.

Ao sepultar uma denúncia infundada, a Câmara mostrou grandeza e maturidade. E não se trata apenas deste caso específico do Pozzobom, mas, sim, de o Legislativo acender uma luz de alerta. Não se pode permitir que, a cada ano quando se avizinha uma eleição, denúncias infundadas sejam ventiladas.

Isso não é blindar o mandatário. O papel do Legislativo é justamente este: estar vigilante aos atos do Executivo. Porém, não se pode banalizar um instrumento - seja uma comissão processante ou uma CPI - com fins nada nobres. Ainda mais quando Santa Maria está, a exemplo do Rio Grande do Sul e do país, na batalha de enfrentamento a um inimigo que tem deixado um rastro de vidas ceifadas e uma economia em frangalhos. 

Como bem sinalizaram os vereadores, em uma lucidez raramente vista, o futuro político da cidade e, claro, de Pozzobom, deve ser decidido nas urnas. 


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190