cultura

Séries e filmes brasileiros que ganharam versões pelo mundo

Colunista Lúcio Pozzobon comenta sobre as produções


Um fato curioso que surgiu no Twitter foi a descoberta de uma adaptação coreana para o filme brasileiro De Pernas pro Ar (2010), uma das comédias brasileiras de maior bilheteria e estrelada por Ingrid Guimarães.

Claro que tudo isso veio pelo fato da atriz Cho Yeo-jeong, que está no filme indicado ao Oscar, Parasita, ser a estrela do filme, que por lá ganhou o título Casa Amor: Exclusive for Ladies (2015).

Mas não é a primeira vez que isso acontece. Algumas produções nacionais, além das novelas (como Vale Tudo, O Clone, Dancin' Days, Fina Estampa, entre outras), já ganharam versões internacionais também. 

Um exemplo é a série Como Aproveitar o fim do Mundo, escrita por Fernanda Young e Alexandre Machado e estrelada por Danton Melo e Alinne Moraes, apresentada pela Globo em 2012.

Com a boa ideia da série, seu enredo foi levado para o canal CW, canal a cabo da Warner nos Estados Unidos, mas o resultado de No Tomorrow não foi tão bom. Enquanto a original brasileira foi indicada ao Emmy Internacional, a adaptação norte-americana teve uma baixa audiência e teve uma única temporada de 13 episódios.

Outra série que ganhou uma nova adaptação, dessa vez para o canal Telemundo (em uma parceria com a Globo), foi Amores Roubados (2014). A versão ganhou o título Jugar con fuego (2019), teve 10 episódios e está disponível em alguns países pela Netflix. No Brasil, devido a parceria com a Globo, ela não foi adicionada ao catálogo. Quem sabe em breve chegue ao Globoplay.


Já outra grande comédia brasileira ganhou uma versão é Se Eu Fosse Você (2006). No Brasil o filme original gerou uma sequência e uma série no canal FOX (que não seguiu com o mesmo elenco dos filmes).

A adaptação mexicana, chegou o título 'Em seu lugar' (Si Yo Fuera Tú - 2018) - disponível na Amazon Prime Video - foi baseada no primeiro filme. Apesar de seguir a narrativa de troca de corpos, o original ainda tem muito mais humor que a sua nova versão.

Apesar de ainda vermos poucas versões de nossas histórias pelo mundo, vale lembrar do discurso do diretor de Parasita, Bong Joon Ho, após receber o prêmio de Melhor Filme Estrangeiro, no Globo de Ouro:

"Quando vocês superarem as barreiras de filmes com legendas, conhecerão muitos filmes incríveis".

Mesmo que nem sempre bem aproveitadas nas novas versões, algumas de nossas histórias são bem vistas internacionalmente e podem sim garantir um novo público para filmes e séries brasileiros, ainda mais com o crescente crescimento do streaming. É o momento das produtoras e canais de televisão tomarem os devidos cuidados, preparando e disponibilizando legendas (ou áudios) em outros idiomas, o que vai ampliar a chegada das nossas histórias pelo mundo.


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190