escola de sargentos

A vinda da ESA e o ganho imediato à cidade em meio a uma grave crise

Economista acredita que Santa Maria tem a chance de viabilizar o que seria um polo de defesa referência para todo o país

18.398
Foto: Foto: Alan Orlando (especial)


Foto: Alan Orlando (especial)

A vinda da ESA para Santa Maria, se confirmada até maio deste ano, abriria a possibilidade de um novo ciclo de desenvolvimento econômico. Porém, será muito além da questão meramente arrecadatória e de acréscimo de receita aos cofres do município. A avaliação é do economista e professor da UFSM Daniel Coronel:

- O impacto imediato é que, em um momento de forte crise, como o atual, haveria um ganho real à economia. Mas (a vinda da ESA) pode representar mais.

Regras podem congelar salários de servidores por até três anos

Coronel explica que Santa Maria tem a possibilidade real de desencadear um novo ciclo de desenvolvimento econômico. O que, segundo ele, poderia - em uma sinergia do poder público, Forças Armadas e setores produtivos (entre eles, o educacional) - fazer do maior município da Região Central um polo verdadeiramente militar:

- Tendo a defesa como carro-chefe desse processo, poderíamos agregar setores com alta intensidade tecnológica. Seria uma virada de chave. 


fale conosco

redação
[email protected]
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)
Endereço
Faixa Nova de Camobi, 4.975, Bairro Camobi, CEP 97105-030, Santa Maria - RS

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3213-7272
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3213-7272
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)
[email protected]
[email protected]
chat

para anunciar
(55) 3213-7187
(55) 3213-7190