contatos Assine
São Sepé

Post de vereador sobre a nova delegada da cidade vira polêmica no Facebook

14 Dezembro 2017 20:35:00

Opinião de parlamentar foi considerada machista nas redes sociais

Um post no Facebook de um vereador de São Sepé acabou virando polêmica na rede social. Nesta quarta-feira, o vereador Renato Rosso (PP), que atua como inspetor da Polícia Civil,  publicou um texto lamentando a saída do delegado Antonio Firmino de Freitas Neto do município. Desde a terça-feira, quem está no comando da Delegacia de São Sepé é Carla Dolores Castro. Apesar de elogiar o trabalho da delegada, o parlamentar comentou que "a DP de São Sepé está virando uma delegacia feminina", fato que o deixou preocupado.

Prefeitura abrirá concurso com 65 vagas

O post gerou comentários - parte deles criticando e até considerando machista o posicionamento de Rosso. Horas depois, ele fez uma nova publicação, na tentativa de explicar a postagem anterior, mas, o que aconteceu, é que a nova colocação continuou gerando polêmica. Na segunda postagem, em um trecho, ele comenta que "certas atividades requerem mais a mão masculina". Em um terceiro texto publicado na rede social, o vereador lamentou a repercussão negativa e chegou a dizer que poderá excluir o perfil nos próximos dias.

Ao Diário, o vereador disse que de forma alguma quis ser machista nem atingir a classe policial feminina. Ele acredita que, em algumas tarefas - como as desenvolvidas por Susepe e Polícia Civil - precisam contar com mais homens por causa de situações que a profissão exige. Ele ainda reitera que conhece a delegada Carla, que ela é uma excelente profissional e que lamenta que as pessoas tenham interpretado de forma machista.

- Houve má interpretação, mas muitas manifestações foram favoráveis a minha postagem, inclusive de colegas policiais femininas. Já aconteceu de prender um suspeito em São Sepé, e ele reagir à prisão, e éramos em três homens fazendo a prisão dele. (...) Elas sabem que, na hora de ir em algum lugar, onde tem um foragido, que atira em polícia, não tem como ir para lá, eu com duas ou três mulheres. Tem funções que requerem força física, e é ruim de dizer, mas, infelizmente, é isso aí. Eu lamento profundamente isso e, se caso alguma pessoa não conseguiu entender o que eu escrevi, eu peço desculpas, jamais terei pensamento machista - disse.

Na terça-feira, o delegado Firmino - que também é titular da 4ª Delegacia de Polícia de Santa Maria - voltou a atuar em Formigueiro. Em São Sepé, ele trabalhou por cerca de quatro meses como substituto. O delegado explica que o município precisa ter um delegado titular e, por isso, não atua mais na cidade.


Reprodução

                         


mais sobre:

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas mensagem de texto)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249