contatos Assine
Opinião

Sartori promete que administração do Hospital Regional se resolve em 10 dias

12 Janeiro 2018 00:00:00

Colunista Jaqueline Silveira comenta sobre anúncio feito pelo governador na quarta-feira

Jaqueline Silveira

O Estado tem prometido e renovado as promessas quanto ao funcionamento do Hospital Regional, fechado há mais de um ano, mas até agora nada. A última foi feita pelo próprio governador José Ivo Sartori (MDB) durante entrevista à Radio Medianeira, na última quarta-feira. "Acredito que, no máximo, dentro de 10 dias, vamos resolver a questão do hospital. Só não posso adiantar as condições para evitar especulação", afirmou Sartori, em trecho do áudio disponível no site da rádio.

Em seguida, entretanto, o governador dilata esse prazo e fala em "10 e 15 dias" para definir o gestor "com garantias jurídicas." Já quanto à possibilidade de o hospital abrir as portas em 2018, Sartori não foi tão enfático: "Primeiro tem de pensar na administração, na gestão, nas condições de quem vai operar."

Fechamento da maternidade da Casa de Saúde superlota o Husm  

Mas é impensável, senhor governador, que o Regional fique mais um ano fechado. Enquanto isso, o Hospital Universitário (Husm) está no limite do limite.

O governador estava se referindo, certamente, à consulta que está na Procuradoria-Geral do Estado (PGE) pedindo um parecer para a contratação de um entidade privada com filantropia, de Porto Alegre, para assumir o complexo de saúde. O Estado precisa do respaldo legal da PGE, já que o Regional foi construído com recursos públicos. O caso está em análise na PGE.

Já dia 5 de fevereiro tem uma reunião, marcado pelo deputado federal Jerônimo Goergen (PP), com o secretário estadual da Saúde, João Gabbardo, da qual devem participar o prefeito Jorge Pozzobom e o reitor da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Paulo Burmann, entre outros, para tratar de uma definição. O ministro da Saúde, Ricardo Barros, já acenou com a possibilidade de a Ebserh, gestora do Husm, assumir o Regional, mas para isso precisa do aval do Estado, a quem pertence o hospital. O encontro pode não sair se o Piratini anunciar o gestor antes dessa data.

Espero que o governador realmente cumpra com o que prometeu. Em dezembro de 2016, ele já prometeu a abertura para 2017, quando esteve no hospital (foto). Santa Maria e região estão fartas de tanta promessa e enrolação quando o assunto é a abertura do Regional. 

Foto: Maiara Bersch (Arquivo Diário)/ 

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas mensagem de texto)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249