contatos Assine
Lazer

Dois anos depois, santa-marienses têm pracinhas de brinquedos de volta

17 Março 2018 11:00:00

30 das 36 áreas de lazer já estão instaladas e liberadas para uso


Foto: Lucas Amorelli (Diário)
Brinquedos novinhos em folha

Demorou mais de dois anos, entre processos licitatórios, retirada e reinstalação de equipamentos. Passou quase todo o verão com espaços sem um brinquedo sequer para as crianças. Mas, na última semana, finalmente, as 36 pracinhas voltaram a figurar no cenário de praças e áreas verdes de 18 bairros e cinco distritos de Santa Maria. Porém, a maioria ainda não está liberada para uso. Sem contar as pracinhas dos distritos, 26 necessitam de ajustes.

A equipe do Diário visitou 31 espaços da área urbana para conferir a situação das praças após a instalação dos brinquedos. O próximo levantamento será feito nas áreas localizadas nos distritos de Santa Maria. Na manhã desta sexta-feira, Nick Andrews, 11 anos, teve uma grata surpresa ao chegar na Praça Roque Gonzales, no Centro da cidade e deparar com outro ambiente:

_ Meus pais vieram fazer exames aqui perto. Eu sempre vinha junto, passava aqui e era tudo vazio. Hoje cheguei e vi os brinquedos, daí tive que entrar, mesmo que eu esteja meio grande para eles - relatou o menino que se divertia no escorregador e no balanço.

Case inaugura escola para abrigar até 120 alunos

O casal Rafael Bald, 32 anos, e Ana Claudia da Silva, 33, levavam o filho Otávio, de três anos, para brincar na Praça Adelar Cantarin, em Camobi, pela primeira vez.

_ Fazia falta uma nova pracinha aqui no bairro. A outra estava cheia de formiga. Essa ficou boa, mas falta uma carga de areia _avalia Ana.

 O investimento de R$ 297,7 mil foi licitado pelo Executivo, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. São 36 bancos coloridos de ferro e madeira, 52 parques infantis (contendo escorregador, gangorra, balanço e gira-gira) e um brinquedo conhecido como Casinha do Tarzan.

Em geral, a comunidade aprova os espaços, mas teme o acúmulo de lixo e a depredação, já que a maioria da pracinhas não estão cercadas ou fechadas e tampouco contam com iluminação.


O equipamento está bonito, mas falta limpeza, pelo menos uma carga de areia e fechar isso aqui porque de noite não é a criançada que vem pra cá _ relata o aposentado Fernando Pichini, 59 anos, morador da Cohab Fernando Ferrari.

Lazer perde espaço para insegurança no Parque Itaimbé

Outra reclamação comum a vários moradores é quanto ao terreno das áreas. Muitas delas têm pedras, britas e vegetação alta, o que, em dias de chuva, fica praticamente intransitável para as crianças.

As demandas dos moradores, segundo o secretario de Meio Ambiente, André Domingues, estão sendo encapadas em conjunto com a secretaria de Esporte e Lazer e a Infraestrutura e Serviços:

_ Nos próximos dias levaremos cargas de areia. Estamos trabalhando em etapas. Primeiro a revitalização dos espaços, depois o paisagismo com o plantio de plantio de árvores. A Guarda Municipal também atuará com patrulhamento nessas novas áreas.

O cercamento das áreas, porém, não está contemplado em nenhum projeto.

ADOTE UMA PRAÇA
Outra antiga ideia é lançar parcerias público-privadas. Conforme Domingues, desde o início deste mês, a prefeitura já disponibiliza de uma ficha que pode ser retirada na Secretaria de Meio Ambiente para possíveis candidatos. Locais como a Praça Miguel Meirelles e a Praça Adelar Antônio Cantarelli, em Camobi, que conta com a manutenção da comunidade. Até o momento, segundo o secretário, empresas do setor da construção civil, cursinhos e CFC's já se mostraram interessados, mas é preciso análises internas e a formalização do decreto de um novo projeto da prefeitura, previsto para o mês de abril: 

_ Queremos ter espaços de referência e até abril apresentaremos o projeto A Praça é Nossa. Tenho esperança que as pessoas vão se aproporiar das suas praças e vamos superar o vandalismo _ adianta o prefeito Jorge Pozzobom.

DOIS ANOS DEPOIS 

  • Dezembro de 2015 _ Prefeitura realizou licitação para compra de brinquedos.
  • Março de 2016 _ Brinquedos foram retirados para substituição, mas a empresa contratada abandonou o serviço deixando os espaços sem os equipamentos
  • Maio de 2017 _ Prefeitura fez nova licitação para contratar material e mão de obra para a reforma de 36 pracinhas a um custo de R$312 mil
  • Dezembro de 2017 _ Assinada ordem de serviço com a empresa vencedora, a Brinqbel Indústria e Comércio de Brinquedos Ltda, que determina que a empresa tem até 5 de março de 2018 para concluir a entrega e instalação dos brinquedos
  • Março de 2018 - Todas as 36 pracinhas são instaladas na cidade em 18 bairros e quatro distritos da cidade 

AS 36 PRACINHAS

  • Praça Cultural Miguel Meirellis (Camobi)
  • Cohab Fernando Ferrari (Camobi)
  • Ademar Antônio Cantarelli- Antiga Dom Bosco (Camobi)
  • Manoel Barcellos Braga- Antiga Estação Colônia (Camobi)
  • Do Poeta -GM área Verde Alto da Colina (Camobi)
  • Diácono João Luiz Pozzobon (Diácono João Luiz Pozzobon)
  • Roque Gonzales (Centro)
  • Fernando Ferrari (Nossa Senhora de Lourdes)
  • Marechal Gomes Carneiro (Menino Jesus)
  • Ary Cechella (Duque de Caxias)
  • Santa Rita (Noal) 
  • Reinaldo Coser (Patronato)
  • Estado da Palestina - GM Ernesto Dorneles (Nossa Senhora Medianeira)
  • General Osório (Passo D'Areia)
  • Tenente Joâo Pedro Menna Barreto (Bonfim)
  • Marechal Osvino Ferreira Alves (Nonoai)
  • Monsenhor Ernesto Botton (Itararé)
  • Estado de Israel - GM Praça Sagado Filho (Salgado Filho)
  • Mariazinha Penna (Tancredo Neves)
  • Jornalista Petrônio Cabral (Tancredo Neves)
  • Amigos do Dorival -Cohab Santa Marta (Juscelino Kubitschek)
  • Pedro Custódio Barbosa- Cohab Santa Marta (Juscelino Kubitschek)
  • Praça na Nova Santa Marta
  • Área Verde 1 - Montebello I (Camobi)
  • Praça na Chácara das Flores
  • Ao lado do Clube 21 de Abril
  • Parque Itaimbé
  • Guarani Atlântico
  • Ginásio São Marcos
  • Centro Desportivo Municipal 
  • Área no Núcleo Habitacional Paróquia (Camobi)
  • Parque Residencial Monte Carlo
  • Boca do Monte
  • Pains
  • Santa Flora
  • Arroio Grande

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas mensagem de texto)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249