contatos Assine
Faixa Velha

Contrato prevê monitoramento de oito lombadas eletrônicas em Santa Maria

09 Janeiro 2018 19:29:00

Daer não divulgou quais serão reativadas e quais serão instaladas no Estado

Camila Gonçalves

Foto: Charles Guerra (Diário)/Lombadas na Faixa Velha devem ser reativadas com a assinatura do contrato

O Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) assinou, na segunda-feira, contrato para a instalação de lombadas e câmeras de monitoramento em rodovias estaduais. Em Santa Maria, os equipamentos contemplam a ERS-509, a Faixa Velha de Camobi. O Daer não divulgou quais serão reativadas e quais serão instaladas. O edital previa oito lombadas nos quilômetros 4.100, 4.300, 5.700 e 5.900 e uma câmera de monitoramento na altura do quilômetro 4.100. A câmera é um serviço adicional, sem função de controle ou autuação por excesso de velocidade. As imagens são usadas para monitorar as condições das rodovias e podem, inclusive, ser vistas em tempo real pelos usuários no site do Daer.

Divulgado o calendário para renovação de licença para transporte de passageiros

A Faixa Nova, que passou a ser administrada pelo órgão, não terá novos equipamentos, por enquanto. A assessoria de comunicação do Daer informou que não há prazos específicos para a instalação de pardais na extensão, mas que o departamento irá analisar a viabilidade de disponibilizar novos equipamentos no local. Ainda segundo o Daer, o contrato assinado na segunda-feira permite a inclusão de monitoramento em novos trechos a partir de aditivos.

Na última sexta-feira, o Departamento Nacional de Infraestrutura (Dnit), que administrava a estrada, retirou o pardal que ficava na altura do km 238,9, em frente ao Hotel Morotin, e a lombada eletrônica que funcionava na mesma rodovia, no Km 325,8, perto do Atacadão. O engenheiro João Carlos Tonetto, supervisor do Dnit em Santa Maria, disse ao Diário que desde junho do ano passado, o trecho passou a ser administrado pelo Estado e que o departamento nacional manteve os controladores por questões de segurança. A assessoria do Daer, no entanto, sustenta que o processo de transição da então BR-287 para RSC-287 foi finalizado em dezembro de 2017. O Diário entrou em contato com o Dnit para saber se estavam sendo aplicadas e cobradas multas por infrações no período de transição da rodovia. A assessoria do Dnit não retornou até o momento.

Horário reduzido dos ônibus gera reclamações da população

A transição ainda não foi oficializada para a Polícia Rodoviária Federal e 2º Batalhão Rodoviário da Brigada Militar (BM). De acordo com o policial rodoviário Daniel Pozzobon, responsável pela comunicação da PRF local, a fiscalização da Faixa Nova ainda está a cargo do órgão federal. O mesmo foi informado na companhia do Batalhão Rodoviário de Santa Maria.

De acordo com o Daer, a Kopp Tecnologia, de Vera Cruz, empresa vencedora da licitação, deve começar a instalar os controladores de velocidade na Faixa Velha ainda este mês. O investimento total é de R$ 3,85 milhões, com recursos do Tesouro do Estado.

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7100
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas mensagem de texto)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249