contatos Assine
mobilidade

Adiada liberação do trânsito na Rua Doutor Turi

15 Maio 2018 10:30:00

Prefeitura apontou irregularidades na instalação dos tapumes ao redor das ruínas do colégio

Foto: Gabriel Haesbaert (Diário)

O trânsito na Rua Doutor Turi, no entorno do Instituto Metodista Centenário, no Centro de Santa Maria, seguirá bloqueado nos próximos dias. A via, junto com parte da Rua do Acampamento, foi interditada desde o dia 13 de abril, depois de uma decisão judicial revogou a demolição das ruínas do prédio. 

Reajuste na tarifa de táxi pode não ser aprovado pela prefeitura

Para liberar a passagem de veículos no local, a prefeitura exigiu que a instituição instalasse tapumes ao redor das ruínas. O colégio concluiu o serviço ainda na segunda-feira, mas durante uma vistoria dos engenheiros da prefeitura e da Defesa Civil Municipal na manhã desta terça-feira foi verificado que duas exigências técnicas não foram atendidas: a posição de alguns tapumes e a criação de um corredor para pedestres na Rua do Acampamento.

Agora, a instituição precisa se adequar a vistoria, e a expectativa é que os serviços sejam finalizados nesta sexta-feira, conforme o prazo estabelecido pela prefeitura inicialmente, para o trânsito ser liberado em ambas as ruas. 

O VAIVÉM DA DEMOLIÇÃO DAS RUÍNAS

  • 16 de maio de 2007 - Parte do Colégio Centenário pega fogo devido a uma sobrecarga elétrica que começou no laboratório de informática, deixando em ruínas o Edifício Eunice Andrew, construído em 1922
  • 2015 - Prefeitura tomba os bens móveis e imóveis do colégio
  • 19 de outubro de 2017 - Vendaval de cerca de 100km/h deixa estragos na cidade, e parte de uma parede das ruínas do colégio cai
  • 20 de outubro de 2017 - Centenário protocola na prefeitura uma licença para demolição do prédio
  • 6 de novembro de 2017 - Setor de Análises de projetos da prefeitura informa o colégio de que pedido foi enviado ao Comphic
  • 13 de novembro de 2017 - Devido à demora do Executivo, colégio entra com liminar junto à Justiça
  • 19 de dezembro de 2017 - Liminar para demolição é concedida pela Justiça
  • 16 de janeiro de 2018 - Centenário contrata empresa para executar a demolição
  • 19 de fevereiro de 2018 - Mesmo com liminar da Justiça que autoriza a demolição, há um novo pedido de licença junto à prefeitura para demolição com pagamento de taxa de cerca de R$ 1,2 mil
  • 23 de março de 2018 - Prefeitura concede licença para demolição
  • 3 de abril - Ministério Público Estadual instaura um Inquérito Civil Público para investigar a prefeitura já que, como o município tem poder de fiscalizador e protetor de bens tombados. O inquérito também investiga o Colégio Centenário, que não apresentou nenhuma alternativa à demolição já que o prédio era tombado
  • 6 de abril de 2018 - Prefeitura revoga e cassa licença para demolição, mas justifica que a decisão liminar por si só era autorizadora
  • 12 abril de 2018 - Colégio notifica à Defesa Civil e à Procuradoria-Geral do município sobre demolição
  • 13 de abril de 2018 - Defesa Civil notifica colégio sobre isolamento de ruas. Justiça solicita informações complementares e suspende a liminar de 19 de dezembro de 2018 por entender que o prédio é tombado e não pode ser demolido

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas falhas de entrega)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249