contatos Assine
indefinição

Votação da nova tarifa de ônibus será na próxima semana

10 Abril 2018 20:25:00

Nesta terça, membros do conselho se reuniram e apontaram alterações no cálculo

Diogo Brondani


Fotos: Charles Guerra (Diário)

Um novo valor da tarifa de ônibus urbano de Santa Maria ainda segue indefinido. Apenas na próxima segunda-feira, quando está prevista uma reunião do Conselho Municipal do Transportes, deve ser conhecido o índice sugerido para reajuste dos atuais R$ 3,60. A determinação partiu de um encontro entre membros do conselho que estiveram reunidos nesta terça-feira, quando foram apresentados, por parte da prefeitura, pelo menos cinco pontos a serem alterados no decreto que traz a planilha do cálculo da tarifa. Algumas mudanças serão feitas a partir de apontamentos do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Mercado Público de Santa Maria deve abrir no dia do aniversário da cidade

Os pontos vão desde alteração no coeficiente de consumo de combustíveis dos ônibus, até a idade média de uso da frota para o transporte de passageiros. Todos têm as justificativas apontadas. O valor da passagem é baseado em custos variáveis, como combustíveis e manutenção dos veículos, e custos fixos, como remuneração laboral, depreciação e despesas administrativas.

ALTERAÇÕES E JUSTIFICATIVAS
Coeficiente de consumo de combustíveis 

  • Veículo leve - Para efeito de cálculo na planilha, o decreto prevê que a média de consumo do ônibus leve passe de 2,61km/l para 2,74km/l 
  • Veículo pesado - Média de consumo deve passar de 2,10 km/l para 2,60 km/l - diferença de 20% 
  • Veículo articulado - Média deve ir de 1,69 km/l para 1,82 km/l 
  • Justificativa para alteração: Veículos ficaram mais modernos e econômicos, o que reduz os custos com combustível, que devem ser levados em conta no cálculo do valor da passagem

Vida útil de pneus

  • Mudança de 90 mil km para 120 mil km para efeito de cálculo da tarifa
  • Justificativa: pneus radiais estão rodando mais por melhoria na qualidade

Idade média da frota

  • Aumento de 10 para 12 anos idade da frota de ônibus.
  • Justificativa: Deixar frota um pouco mais velha para não implicar em alta do custo. Os ônibus da cidade, pelas condições de uso, podem suportar essa idade sem problemas de segurança e qualidade, segundo a prefeitura

Índice de viagens mortas (entre garagem e terminal)

  • Redução de 10% para 7% para efeito de cálculo da passagem
  • Justificativa: Considerar até 7% em viagens vazias porque, entre outras mudanças, é para se adequar a padrões da Capital, onde foi feita licitação

Avenida Hélvio Basso será endereço de duas concessionárias e supermercado

Conforme o representante da prefeitura no conselho, Silvio Souza, ontem foi apontado um relator que ficará responsável pela análise do decreto e apresentação de um parecer no encontro da próxima segunda.

- O conselho poderá convocar uma reunião extraordinária, para que seja então apresentado o valor oficial da tarifa baseado nesse cálculo, ou, ainda algum membro pedir vistas - disse.

Distribuidora de energia abre 24 vagas para curso gratuito de eletricista

PERCENTUAL
Ainda não há conhecimento de qual deve ser o índice de reajuste da tarifa. Haveria uma sugestão de um valor mínimo 11%, apesar de a Associação dos Transportadores Urbanos (ATU) não confirmar o índice.

Se realmente for este, o atual valor de R$ 3,60 passaria para R$ 3,99. Mas é provável que seja menos do que isso. A redução no número de passageiros pagantes e a alta do preço do diesel seriam os principais fatores para o reajuste.

fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas mensagem de texto)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249