contatos Assine
sociedade

Para construir a vida que queremos basta... se esvaziar. Purifique-se!

08 Fevereiro 2018 00:08:00


Carregamos dentro de nós todas as informações sobre nossos talentos, quem somos e nossas verdadeiras necessidades. E, conectados com a Inteligência Universal que, além de nós, está em todo o resto (em tudo!) nos conduzindo, obtemos também todas as informações que necessitamos para realizar escolhas a cada momento das nossas vidas.

Mas por que acessamos tão pouco ou nem acessamos estas informações? Por que frequentemente não sabemos o que queremos, para onde ir, como decidir? Porque estamos cheios demais!

Temos sempre muitos pensamentos, ideias, planos, teorias, interpretações, memórias, imaginações... E temos também muitos medos, raivas, mágoas e tantos outros sentimentos que guardamos dentro de nós pela dificuldade que tivemos e/ou temos de lidar com eles e com a dor que representam. Estes sentimentos exercem grande poder sobre nossas vidas sem que na maioria das vezes tenhamos consciência disso.

Purificar seria então buscarmos nos esvaziar e libertar destes aspectos dos quais temos mais consciência e, também, com paciência, daqueles de que somos reféns inconscientes. Assim, conseguimos ouvir a Inteligência que guia a tudo, nos conduzindo à nossa missão, aos nossos aprendizados, à nossa evolução e felicidade. Ela se manifestará para nós através do nosso próprio Ser mas também através de tudo o que há.

Quanto mais vazios, mais purificados, maior é o silêncio dentro de nós e, portanto, temos mais condições de perceber o mal-estar surgindo no nosso interior (estômago, peito etc), avisando que estamos seguindo um caminho transversal que nos afasta de nós mesmos. Também conseguimos perceber os sinais do Universo ao nosso redor: uma música, uma conversa próxima de nós, um outdoor...

Um sintoma da nossa desconexão com a gente mesmo e com o Universo e sua Sabedoria está na dificuldade que temos de viver o que conscientemente desejamos. Desejamos um domingo de paz e harmonia e quando nos damos por conta estamos em desarmonia com nossos familiares e amores. Desejamos ter mais tempo para nós e para curtirmos momentos de leveza com aqueles de quem gostamos e quando vemos lá se foi mais um final de semana em que nos envolvemos com trabalho, compras, limpeza da casa e tantas outras tarefas. Desejamos compreender e ter compaixão por todos os seres, mas quando menos esperamos já estamos julgando exatamente aqueles que nos são mais próximos e especialmente a nós mesmos, que, sem piedade, condenamos sumariamente sob rótulos os mais variados.

Leia mais colunistas

Se o consciente quer algo mas, no fim, acabamos vivendo experiências completamente opostas é sinal de que há uma contradição dentro de nós. Afinal, somos sempre (co)criadores de tudo o que vivemos. Se queremos harmonia, tempo, compreensão e compaixão mas nos deparamos seguidamente com desarmonia, falta de tempo, incompreensão e julgamento, estamos sendo comandados do inconsciente a obter aquilo que ele (parte de nós) quer.

Inúmeras são as técnicas que podem nos ajudar a nos esvaziarmos e fluirmos pela vida em direção ao Amor e Prosperidade. A combinação delas também pode ser muito útil. Vá observando o que é apresentado a você "coincidentemente" durante a sua rotina. O próprio fato, inclusive, de estar lendo este texto quem sabe.. ?

Para mim, tem sido importantes as técnicas da auto-observação e meditação, além da sutilização do meu corpo como um todo (físico, emocional e mental) através da mudança de alimentação (menos densidade, quantidade e glicose no meu prato) e prática de Yoga.

A auto-observação consiste em estar atenta a mim mesma, minha história e situações de vida, buscando perceber e refletir, por exemplo, sobre as situações repetitivas com as quais me deparo: o que ainda não aprendi em contextos como este? O que preciso fazer diferente? As situações repetitivas aparecem em relacionamentos com outras pessoas, na nossa forma de trabalhar (trabalho remunerado ou não) etc. O fato é que, enquanto não aprendermos o que é preciso, seguiremos nos deparando com situações que, tendo o mesmo objetivo, se assemelham com outras já vividas.

Já a meditação é a técnica-base e fundamental para qualquer buscador de si e da conexão com o todo. De início, não vemos muito sentido nela e até nos incomodamos. Se persistirmos, nos tornaremos mais conectados com tudo e veremos/sentiremos os sinais internos e externos, como dissemos no início, pois através dela silenciamos a gritaria dos pensamentos e permitimos vir à tona não só as vozes que nos escravizam do inconsciente como a mensagem sábia e amorosa do nosso Ser e Inteligência Universal.

Mas e o outro? Você pode me perguntar. É o outro quem tantas vezes nos coloca em situações diferentes das que desejamos. Ou não é? O outro pode realmente ser quem materializa desafios que nos fazem sofrer. Mas o outro somente está neste papel na sua vida porque você construiu e atraiu isto. Seja ele seu/sua chefe, seu/sua companheirx, seu/sua amigx. Então, o foco do olhar é sempre sobre nós mesmos e a nossa purificação.

Somente nos purificando conseguiremos encontrar as informações que nos permitem conscientemente construirmos a paz que tanto esperamos. Que aproveitemos do feriado e alegria do carnaval para, conscientemente, fazermos escolhas que nos levem a criar felicidade verdadeira, estável e vinda do nosso interior, reverberando este estado para todos os Seres! Namaskar!

Observação: Este texto sintetiza um pouco do Bate-papo sobre Autoconhecimento e Felicidade deste último final de semana, em que eu e a Dani Primavera conversamos sobre Purificação. Todo primeiro final de semana do mês, no Jardim das Esculturas, em Júlio de Castilhos, ocorre o Bate-papo sobre Autoconhecimento e Felicidade e práticas de Yoga e Meditação, coordenados pela Semente Divina, projeto integrado por mim e Edgar de Oliveira Matias. A Semente Divina também está organizando a Vivência de Carnaval: Autocura e Autoconhecimento que ocorrerá no Jardim das Esculturas, dos dias 10 a 13 próximos, em que muita gente linda vai compartilhar seus estudos e práticas de, podemos dizer, purificação. ?


fale com a redação

quem somos
leitor@diariosm.com.br
(55) 3213-7110
(55) 99136-2472
(WhatsApp)

redes sociais
facebook
instagram
twitter
youtube

 


para assinar
(55) 3220-1717
diariosm.com.br/assinaturas

central do assinante
(55) 3220-1818
(55) 99139-5223
(WhatsApp, apenas mensagem de texto)

para anunciar
(55) 3219-4243
(55) 3219-4249